Seguidores

sexta-feira, 31 de julho de 2015

FORMATURA DO GRUPO TÁTICO MÓVEL GTM/ GUARDA MUNICIPAL RIO























RIO DE JANEIRO, GUARDA MUNICIPAL RIO/GRUPO TÁTICO MÓVEL GTM FORMATURA DIA 31/07/2015











A Guarda Municipal do Rio de Janeiro (GM-Rio) formou 404 guardas que vão compor o novo Grupamento Tático Móvel (GTM)

31/07/2015 13h08 - Atualizado em 31/07/2015 13h08

Guarda Municipal cria grupamento para reforçar patrulhamento no Rio

Mais de 400 guardas farão rondas motorizadas pela cidade.
GTM terá bases de apoio localizadas em São Cristóvão e Campo Grande.

Do G1 Rio
Guarda Municipal formou 404 agentes que vão compor o novo Grupamento Tático Móvel  (Foto: Divulgação / Guarda Municipal)Guarda Municipal formou 404 agentes que vão compor o novo Grupamento Tático Móvel (Foto: Divulgação / Guarda Municipal)
A Guarda Municipal do Rio de Janeiro (GM-Rio) formou 404 guardas que vão compor o novo Grupamento Tático Móvel (GTM). A unidade vai reforçar as ações de patrulhamento motorizado realizadas pela corporação na cidade, e também atuar em situações urgentes, de rápida resposta.
A formatura foi realizada na manhã desta sexta-feira (31), no Largo da Carioca, no Centro do Rio e, com a criação do GTM, a Guarda Municipal passa a contar com duas forças especiais de pronto-emprego em operações especiais e apoio a todas as demais unidades operacionais.
O Grupamento vai reforçar a estratégia da mobilidade no patrulhamento, com um grupo de atuação exclusiva, para intensificar o combate a desordens diversas e no ordenamento de trânsito, quando necessário. O GTM terá duas bases de apoio, estrategicamente localizadas em São Cristóvão, na Zona Norte, e Campo Grande, na Zona Oeste, de onde as equipes motorizadas realizarão rondas periódicas e aleatórias em toda a cidade.
O uniforme dos guardas do Grupamento Tático Móvel se diferenciará dos trajes das demais unidades pelo uso de cobertura (boné ou boina) e colete azuis. Mesmo depois de formados, os guardas do grupamento continuarão passando por treinamentos periódicos, com o objetivo de melhorar as práticas operacionais.
http://g1.globo.com/rio-de-janeiro/noticia/2015/07/guarda-municipal-cria-grupamento-para-reforcar-patrulhamento-no-rio.html

quinta-feira, 30 de julho de 2015

Guarda Municipal conscientiza sobre tráfico de pessoas nos aeroportos do Rio Corporação também criará palestra sobre o tema para ministração na rede municipal de ensino



A Guarda Municipal do Rio de Janeiro (GM-Rio) realiza pelo segundo ano consecutivo ação de conscientização sobre tráfico de pessoas para passageiros e usuários dos aeroportos Internacional do Galeão e Santos Dumont. A ação, que acontece de 27 à 31 de julho, faz parte da Semana de Nacional de Mobilização pelo Enfrentamento ao Tráfico de Pessoas, coordenada  no Brasil pelo Escritório das Nações Unidas contra Drogas e Crimes (UNODC) e pela Secretaria Nacional de Justiça (SNJ) do Ministério da Justiça. Durante a semana, guardas municipais distribuirão cartilhas informativas e darão esclarecimentos sobre a prática criminosa e formas de denúncia, no período da manhã e da tarde. 
A Semana de Enfrentamento ao Tráfico de  Pessoas faz parte da Campanha Mundial Coração Azul, que busca encorajar a participação das comunidades e servir de inspiração para criação de medidas que ajudem a acabar com o tráfico de pessoas. Dentro da semana está inserido o  Dia Mundial contra o Tráfico de Pessoas, em 30 de julho, que foi estabelecido pela Organização das Nações Unidas (ONU). Várias ações semelhantes têm acontecido em postos avançados em todas as regiões do país.
A GM-Rio é uma das parceiras do Governo Federal na política de enfrentamento, administrando no município, desde 2010,  um posto avançado de atendimento humanizado ao migrante no Aeroporto Internacional do Galeão. A distribuição do kit e o trabalho de conscientização serão feitos pelos guardas municipais que atuam no posto e  são capacitados para fazer a recepção a brasileiros não admitidos ou deportados do exterior e estrangeiros com problemas de entrada no Brasil ou no exterior, além de atender e identificar possíveis vítimas do tráfico de pessoas, que são encaminhadas para acolhimento através de uma rede local.
Além das ações de conscientização,a corporação ainda vai inserir o tema no programa de atividades lúdicas desenvolvidos pelo Grupamento de Ronda Escolar (GRE) nas escolas do município, a partir do segundo semestre desse ano, com a criação de uma palestra preventiva e de alerta sobre o tráfico de pessoas, que será ministrada pelos guardas para adolescentes e pais de alunos. 
Saiba mais sobre o Coração Azul - O Coração Azul representa a tristeza das vítimas do tráfico de pessoas e nos lembra da insensibilidade daqueles que compram e vendem outros seres humanos. O uso da cor azul das Nações Unidas também demonstra o compromisso da Organização com a luta contra esse crime que atenta contra a dignidade humana. 

Jaboatão ganha cem novos guardas municipais

Agentes serão empossados na tarde desta quarta-feira (29) e vão fortalecer o programa Jaboatão em Ordem

Publicado em 28/07/2015, às 16h26

Do JC Online

Jaboatão reforça presença da Guarda Municipal nas ruas da cidade / JC Imagem

Jaboatão reforça presença da Guarda Municipal nas ruas da cidade

JC Imagem

A Prefeitura de Jaboatão dos Guararapes, no Grande Recife, vai empossar cem novos agentes da Guarda Municipal na tarde desta quarta-feira (29), no auditório da Faculdade dos Guararapes (FG), localizado no bairro de Piedade. Os agentes foram aprovados em concurso público promovido pela administração municipal e já foram nomeados. O reforço do efetivo irá fortalecer o programa Jaboatão em Ordem.

Com o novo contingente, Jaboatão passa a contar com cerca de 400 guardas municipais, que vão atuar nas ações de ordem pública e segurança cidadã do Jaboatão em Ordem, como a Patrulha Maria da Penha, a Rede Municipal de Pontos Seguros e outras ações preventivas em pontos estratégicos da cidade.

No dia 19 de abril, 262 candidatos fizeram a última prova do certame, realizado pelo Instituto de Apoio à Fundação Universidade de Pernambuco (Iaupe). O resultado foi divulgado no dia 21 de maio. No dia 1º de junho, os aprovados foram convocados para realização dos exames admissionais. A nomeação foi publicada no Diário Oficial no dia seguinte (2). Os 162 que não passaram na prova final estão no cadastro de reserva.

Guarda Municipal de Curitiba treina agentes prisionais para uso de cães


(foto: Cesar Brustolin/SMCS)

O Grupo de Operações com Cães (GOC) da Guarda Municipal de Curitiba realizou, na tarde desta quarta-feira (29), um treinamento voltado para agentes da Seção de Operações Especiais (SOE) do Departamento de Execuções Penais do Paraná (Depen-PR) e da Guarda Municipal de Campo Largo. O objetivo é aproveitar a experiência da Guarda Municipal de Curitiba em operações com cães para capacitar outras equipes.
Na aula ministrada no interior de um prédio sem uso em Santa Felicidade, foi simulada a retirada de detentos de um presídio em rebelião. O supervisor da Guarda Municipal Antonio Carlos Flausino, que ministrou o treinamento, explica que a atividade faz parte do curso de Adestramento de Cães em Operações Prisionais – que inclui também a condução de cães de trabalho em áreas de segurança penitenciária, faro antidrogas, abordagem de veículos, captura de preso em mata e intervenção tática em delegacias ou presídios. “As equipes do SOE/Depen tiveram 120 horas-aula em diversas etapas no adestramento e manejo de cães”, explica Flausino.
A Guarda Municipal de Campo Largo, por sua vez, passa por um treinamento mais rápido, de dois dias, para reforçar suas atividades com cães. O inspetor do Grupo de Operações Especiais (GOE) da Guarda Municipal de Curitiba Antônio Moreira da Silva, responsável pela capacitação dos agentes do município vizinho, explica que o treinamento auxilia nas eventuais ausências do Centro de Operações Policiais Especiais (Cope), divisão da Polícia Civil especializada no gerenciamento de crises em unidades prisionais.
Participam das atuais etapas de adestramento de cães 32 guardas municipais de Campo Largo e dez agentes do SOE/Depen-PR.
O GOC de Curitiba conta hoje com 13 cães adestrados das raças rottweiler, pastor alemão, labrador e malinois. Há um ano, o prefeito Gustavo Fruet assinou um decreto que instituiu oficialmente o canil da Guarda Municipal. Desde então, segundo o diretor da Guarda Municipal, inspetor Cláudio Frederico de Carvalho, foi possível fortalecer as ações educativas, preventivas e também de combate ao uso e tráfico de droga.

Policia Civil e Guarda Municipal de RC participam de Operação Conjunta


A viatura do Canil da Gcm com a utilização de cães de faro lograram êxito em localizar 43 trouxas de maconha, 43 ependorfs com cocaina, 02 pedras de crack, 01 celular e R$ 85,00 ( Oitenta e cinco reais ) em espécie.
Por: Aristeu – (Jaburu)
 
 
 
 

Na tarde de ontem,  28/07 a Guarda Civil Municipal  e a Policia Civil de Rio Claro realizaram por volta dás 14h operação conjunta no bairro São Miguel, imediações da avenida 80 A com rua 10 A .  O objetivo da operação foi coibir roubos, furtos, fiscalizar veículos e pessoas quanto a situação criminal. Esta operação contou com várias viaturas  da Gcm e da Policia Civil. Policiais e agentes realizaram abordagens para verificar M.P ( Mandados de Prisões em aberto) bem como localização de entorpecentes.
A viatura do Canil da Gcm com a utilização de cães de faro lograram êxito em localizar 43 trouxas de maconha, 43 ependorfs de cocaina, 02 pedras de crack, 01 celular  e R$ 85,00 ( Oitenta e cinco reais ) em espécie. Os indivíduos foram conduzidos ao Plantão Policial onde a autoridade competente elaborou BOPC 104/2015, Flagrante de Tráfico de Entorpecentes. A Gcm elaborou RO GCM 846/15 Apoio a Policia Civil.


Com informações do Repórter Policial Aristeu Gomes Pepes Filho – (Jaburu)- JORNALISTA - Mtb 56261/SP

Olimpíadas Rio 2016 terão 85 mil profissionais atuando na segurança

30/07/2015 11h27 - Atualizado em 30/07/2015 18h42


'Maior esquema jamais visto na história do país', afirmou Beltrame.
Cidade terá Centro Integrado de Enfrentamento ao Terrorismo (CIET).

Alba Valéria MendonçaDo G1 Rio
Autoridades na área de segurança pública detalharam o esquema de segurança das Olimpíadas de 2016.. (Foto: Alba Valéria Mendonça/ G1)Autoridades na área de segurança pública detalharam o esquema de segurança das Olimpíadas de 2016.. (Foto: Alba Valéria Mendonça/ G1)
O secretário estadual de Segurança do Rio, José Mariano Beltrame afirmou nesta quinta-feira (30) que o esquema de segurança para os Jogos Olímpicos de 2016 será o maior da história do país, com 85 mil profissionais, sendo 47,5 mil deles vindos da Força Nacional de Segurança. O restante virá do Ministério da Defesa (MD).
Entre as ações, está a criação do Centro Integrado de Enfrentamento ao Terrorismo (CIET), segundo o assessor especial para Grandes Eventos do MD, general Luiz Felipe Linhares.
Beltrame, Linhares e outras autoridades conversaram com jornalistas na manhã desta quinta-feira (30) para falar sobre a segurança das Olimpíadas. "Será a maior operação de segurança que o Rio já teve, o maior esquema jamais visto na história do país", disse o secretário.
Segundo o secretário Estraordinário de Segurança em Grandes Eventos, do Ministério da Justiça, Andrei Rodrigues, a palavra de ordem deste trabalho será a integração entre as forças de segurança em todos os níveis. Ele destacou ainda que o trabalho já começa com os 44 eventos-teste previstos, sendo que 21 deles acontecerão este ano e outros 23 estão previstos para 2016.
A novidade para os Jogos Rio 2016 em relação a outros grandes eventos realizados na cidade desde o Pan de 2007, é o Centro de Inteligência, que é voltado especialmente para ações contra terrorismo. Segundo Rodrigues, a unidade só deverá ser montada no Rio mais perto das Olimpíadas.
"Na Copa de 2014 contamos com a colaboração de agentes de 40 países. Para as Olimpíadas não teremos como contar com todos os países participantes, mas vamos trabalhar com quem possa contribuir, com antigos parceiros e principalmente com que faz parte do sistema da Interpol. Vamos promover um intercâmbio de troca de dados e de conhecimentos para atuar na prevenção de atos terroristas. Esse é um processo que vem amadurecendo que a realização de eventos no Rio. O terrorismo é uma preocupação de todos os países", disse Rodrigues.
O diretor de segurança do Comitê Rio 2016 Luiz Fernando Correa destacou que a segurança interna de todas das 33 instalações de competição dos Jogos ficará a cargo das forças de segurança do governo. E que caberá ao seis mil agentes privados do comitê cuidar dessas instalações antes do evento e de outras 87 instalações relacionadas às Olimpíadas e complementar o trabalho dos agentes públicos de segurança.
O oficial de inteligência da Agência Brasileira de Inteligência (Abin) Saulo Moura contou que desde que o Rio foi escolhido para sediar os Jogos, estão sendo preparados relatórios para checar instalações, hospedagem, centros de treinamento e feitas avaliações de risco inclusive do tour da Tocha Olímpica. E que até o momento não foi levantado nenhum indicativo de terrorismo.
"O Brasil, tradicionalmente, não é alvo de atos terroristas. Mas será palco de um grande evento e precisa estar preparado", enfatizou Moura.
Assessor Especial de Grandes Eventos do Ministério da Defesa, o general Luiz Felipe Linhares lembrou os Jogos serão o sétimo grande evento realizado na cidade e o maior de todos
"As Olimpíadas equivalem a 65 Copas do Mundo ao mesmo tempo. Além disso são 33 instalações de competição no Rio e mais cinco arenas de futebol (em Manaus, Brasília, São Paulo, Belo Horizonte e Salvador). Também vamos cuidar da passagem da Tocha Olímpica por 250 cidades, em todos os estados. Para a Copa, o governo do estado pediu à presidente Dilma Rousseff a ajuda do Exército para patrulhar a Maré. Acho que fizemos um bom trabalho durante um ano que passamos lá. Agora, a área está ocupada pela PM e não há previsão de o Exército voltar", destacou Linhares, informando que dos 38 mil homens do Ministério da Defesa, cerca de 20 mil vão atuar no Rio.
Ele detalhou o quantitativo das forças de segurança que atuarão diretamente nas Olimpíadas. Dos 47.599 homens que trabalharão diretamente no Rio, 18.500 são da PM, 1.822 são da Polícia Civil, 4.620 são do Corpo de Bombeiros e Defesa Civil, 3.500 são da Políoia Federal, 2 mil são da Polícia Rodoviária Federal, 1.734 são do Departamento Penitenciário,



 5.810 são da Guarda Municipal e 9.613 são da Força Nacional de Segurança (FNS), que está sob o comando do diretor Nazareno Marcineiro.
Os homens da FNS vão cuidar especificamente das instalações, dos locais de eventos-teste, hospedagem, centro de mídia e arbitragem.
Rodrigues informou ainda que o governo federal investiu R$ 1,170 bilhão na segurança do evento, além dos outros R$ 350 milhões que estão sendo investidos pelo Comitê Rio 2016. Segundo ele, desde a Copa das Confederações, em 2013, equipamentos e bens usados na segurança dos eventos estão ficando de legado para a segurança do Rio.
Além de José Mariano Beltrame e Andrei Rodrigues, o representante do Corpo de Bombeiros e Defesa Civil coronel Wanius Amorim também participou da entrevista coletiva.
Tem alguma notícia para compartilhar? Envie para o VC no G1 RJ ou por Whatsapp e Viber.

Conselho Comunitário debate Segurança Pública em São João de Meriti

O Conselho Comunitário de Segurança de São João de Meriti se reuniu na manhã de segunda-feira (27), na sede da OAB-Meriti, para debater as demandas sobre o tema no município. Com o objetivo de aproximar sociedade civil e autoridades, o encontro, que é realizado mensalmente, promoveu um diálogo para abordar os problemas enfrentados na segurança pública da cidade e buscar as possíveis soluções.
 O encontro teve o objetivo de aproximar sociedade civil e autoridades. Foto: Assimp Meriti/Luiz Alberto.
O encontro teve o objetivo de aproximar sociedade civil e autoridades. Foto: Assimp Meriti/Luiz Alberto.
Representando a Secretaria Municipal de Segurança, Transporte, Desenvolvimento Econômico e Ordem Urbana, o Guarda Civil Municipal, Carlos Peixoto, realizou uma palestra onde abordou a situação do setor no município e o projeto de criar um curso para orientar a sociedade civil sobre como agir em situações de risco.
“Nosso objetivo com o projeto é orientar a população sobre como prevenir e agir nas situações de risco. Entendemos que com o cidadão mais preparado e orientado, ele saberá o que fazer para evitar essas situações, diminuindo assim os números da violência no município”, afirmou Carlos Peixoto.
Também participaram do encontro representantes do 21º Batalhão de Polícia Militar, Polícia Civil e OAB.
http://noticias.sitedabaixada.com.br/seguranca-publica/2015/07/29/conselho-comunitario-debate-seguranca-publica-em-sao-joao-de-meriti/?utm_source=footer&utm_medium=footer&utm_campaign=footer

Guardas municipais são empossados e nova turma será chamada

A partir da próxima semana serão convocados mais 80 aprovados no concurso público de 2014, que após o curso de formação vão compor a tropa
Por - Redação I 30/07/2015 - 10:20 - 
———————————————————————————————————————————
Fotos: Igorh Martins
Os novos guardas municipais prestaram juramento perante à Bandeira Nacional nesta quarta-feira
Boa Vista recebeu nesta quarta-feira (29), um reforço na segurança pública com a posse de 80 novos guardas civis municipais aprovados no Curso de Formação. A cerimônia ocorreu em frente ao Palácio 9 de Julho e contou com a presença da prefeita Teresa Surita, do senador Romero Jucá e de outras autoridades locais. Somando-se ao atual efetivo, a tropa agora dispõe de 329 homens e mulheres em defesa do município.

Durante a solenidade de posse, foram entregues cinco novas viaturas e duas motocicletas à Guarda Municipal, que serão utilizadas na política de segurança comunitária. Além disso, a prefeita Teresa Surita anunciou que até o fim do ano a instituição vai contar com 30 viaturas, no total.

Os 80 novos guardas civis foram aprovados no concurso público realizado em julho de 2014. Durante quatro meses, os alunos passaram pelo Curso de Formação, que iniciou em março deste ano, e que teve como matriz curricular disciplinas como relações humanas e sociabilidade; ética, direitos humanos e cidadania; políticas de segurança pública, primeiros socorros, ordenamento de trânsito, gestão ambiental, entre outras matérias.

A prefeita Teresa Surita enfatizou da importância que a Guarda Civil Municipal possui, ressaltando que foram empregados investimentos para valorização e emparelhamento da tropa. “Nós estamos fazendo um grande investimento na Guarda Municipal, em função da necessidade de segurança dentro de Boa Vista. Nós precisávamos aumentar o número de guardas e agora nós estamos recebendo essa nova tropa. Este investimento vai fazer com que nossas praças tenham mais segurança, pois todas terão guaritas. E, assim, vamos dar mais condições de trabalho a eles”, disse a prefeita.

Para o superintendente da Guarda Civil Municipal, Daniel Mangabeira, a meta agora é continuar atuando de forma responsável, ética e esforçada, para garantir o bem-estar da população e do patrimônio público. “A GCM vem fazendo um bom trabalho de segurança em nossos logradouros e praças, além de preservar a vida dos nossos munícipes. Antes nós tínhamos uma dificuldade com o número do efetivo, mas agora com, a entrada dos novos guardas, com certeza, vai suprir a necessidade para que possamos fazer um trabalho de excelência frente à população boa-vistense”, destacou.

Segundo o secretário municipal de Segurança Urbana e Trânsito, Gerson Moreno, a Guarda Municipal hoje vive uma nova realidade, pois atualmente a instituição conta com 17 viaturas, contando com as três que foram entregues na solenidade. Além disso, houve investimentos com equipamentos, treinamento e também com mais efetivo. “Sem sombra de dúvidas, hoje a GCM tem muito a comemorar, pois em nenhuma outra gestão municipal houve tamanha valorização e reconhecimento da Guarda”, frisou.

Honra frente aos desafios

Aprovada em 1º lugar no curso de formação, a nova guarda civil Ana Paula Gondim encara esta nova etapa de sua vida como um desafio, mas também como uma grande honra em poder fazer parte da Guarda Civil Municipal. Com nota 96,4, a jovem destacou a importância de estar na linha de frente da política de segurança comunitária.

“Estar atuando na segurança pública é um grande desafio, mas também é um privilégio ter feito este curso de formação e hoje me encontro preparada para defender e cuidar dos cidadãos de nossa capital. Então, é um desafio, mas algo prazeroso, pois aprendemos a respeitar esta instituição que tanto nos ensinou, não só princípios de trabalho físico, mas também de ideais filosóficos, e outras questões que hoje nos faz novas pessoas”, disse.

Também membro dos 80 novos guardas civis, Daniel Silva lembrou-se das dificuldades encontradas desde o início, com o concurso público, e que agora se encerra um ciclo para que outro se inicie. “Viemos de uma série de concursos públicos prestados e agora conseguimos lograr êxito. Desde os exames, foi uma jornada difícil, e até a academia, que foram quatro meses de muito aprendizado que servirão pelo resto da carreira”.

Efetivo – Com o novo efetivo, a escala de serviço diária dos guardas civis vai saltar de 30 para até 45. Além disso, a partir da próxima semana serão convocados mais 80 aprovados no concurso público de 2014, que após o curso de formação vão compor a tropa, chegando a 409 homens e mulheres na Guarda Civil Municipal

Câmara de Vereadores da Serra, ES, aprova criação de Guarda Municipal

30/07/2015 07h15 - Atualizado em 30/07/2015 07h15


As 170 vagas serão ocupadas até 2016 por meio de concurso público.
Secretário disse que Guarda vai atuar em áreas estratégicas do município.

Do G1 ES, com informações de A Gazeta
Câmara aprova criação de Guarda Municipal na Serra, Espírito Santo (Foto: Gildo Loyola/ A Gazeta - 27/09/ 2004)Câmara aprova criação de Guarda Municipal na Serra (Foto: Gildo Loyola/ A Gazeta - 27/09/ 2004)









A Câmara de Vereadores da  Serra, na Grande Vitória, aprovou na noite desta quarta-feira (29) a criação da Guarda Municipal armada no município. O projeto prevê 170 vagas para agentes comunitários de segurança que serão selecionados por concurso.
A proposta, de autoria da prefeitura, foi aprovada por unanimidade. A previsão é que os agentes já estejam nas ruas no início do segundo semestre de 2016.
O secretário de Defesa Social, coronel Nylton Rodrigues, disse que a Guarda atuará, principalmente, em áreas estratégicas do município.
“Os agentes estarão nas ruas em patrulhamento preventivo nos principais polos comerciais, nas escolas, orlas e bairros com maiores índices de violência. Eles vão contribuir para o trabalho já realizado pela polícia”, disse Nylton Rodrigues.
As 170 vagas serão ocupadas até ano que vem por meio de concurso público.
“Vamos contratar uma fundação para fazer o concurso, que se dará em seis etapas. Após a seleção, os agentes passarão por um curso de formação, com duração de 4 meses, para então desempenhar a função deles com responsabilidade”, declarou secretário de Defesa Social.

SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO SUBSECRETARIA DE GESTÃO E DO SUBSISTEMA DE INFRAESTRUTURA E LOGÍSTICA

SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO
SUBSECRETARIA DE GESTÃO E DO SUBSISTEMA DE
INFRAESTRUTURA E LOGÍSTICA
EXTRATO DA ATA DE REGISTRO DE PREÇO Nº 0004/2015
Órgão Gestor: Secretaria Municipal de Administração
Objeto: SERVIÇOS DE VIGILÂNCIA ARMADA E DESARMADA
Processo: 05/000.055/2015
Modalidade: SMA/SRP N° 0219/2015 - COMPRASNET
Validade da Ata: 12 (doze) meses
Órgão Gerenciador da Ata de Registro: Coordenadoria Geral do Subsistema de Infraestrutura e Logística.
Participantes: Órgãos/ Entidades da Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro
Empresa vencedora: - ANGEL´S SEGURANÇA E VIGILÂNCIA LTDA
CNPJ: 03.372.304/0001-78
Endereço: Rua Vieira Ferreira, 132 – Bonsucesso CEP: 21040290 –Rio de Janeiro/RJ Tel: 2209-2350 | Fax: 2260-9623
Email: diretoria@angelsvigilancia.com.br / www.angelsvigilancia.com.br
LOTE 01 - POSTO DE VIGILÂNCIA 12X36
Item
Código
Nome Padronizado
Nº de Postos
Preço Mensal do Posto
1
257010.0006-11
VIGILÂNCIA DESARMADA
DIURNO
30
8.900,00
2
257010.0007-01
VIGILÂNCIA DESARMADA
NOTURNO
34
10.100,00
Total Mensal R$ 610.400,00
Total Global (12 meses) R$ 7.324.800,00
LOTE 02 - POSTO DE VIGILÂNCIA 12X36
Item
Código
Nome Padronizado
Nº de Postos
Preço Mensal do Posto
1
257010.0006-11
VIGILÂNCIA DESARMADA
DIURNO
14
8.900,00
2
257010.0007-01
VIGILÂNCIA DESARMADA
NOTURNO
14
10.100,00
Total Mensal R$ 266.000,00
Total Global (12 meses) R$ 3.192.000,00
LOTE 03 - POSTO DE VIGILÂNCIA 12X36
Item
Código
Nome Padronizado
Nº de Postos
Preço Mensal do Posto
1
257010.0006-11
VIGILÂNCIA DESARMADA
DIURNO
33
8.900,00
2
257010.0007-01
VIGILÂNCIA DESARMADA
NOTURNO
30
10.100,00
Total Mensal R$ 596.700,00
Total Global (12 meses) R$ 7.160.400,00
LOTE 04 - POSTO DE VIGILÂNCIA 12X36
Item
Código
Nome Padronizado
Nº de Postos
Preço Mensal do Posto
1
257010.0006-11
VIGILÂNCIA DESARMADA
DIURNO
21
8.900,00
2
257010.0007-01
VIGILÂNCIA DESARMADA
NOTURNO
23
10.100,00
Total Mensal R$ 419.200,00
Total Global (12 meses) R$ 5.030.400,00
LOTE 05 - POSTO DE VIGILÂNCIA 12X36
Item
Código
Nome Padronizado
Nº de Postos
Preço Mensal do Posto
1
257010.0006-11
VIGILÂNCIA DESARMADA
DIURNO
34
8.900,00
2
257010.0007-01
VIGILÂNCIA DESARMADA
NOTURNO
34
10.100,00
Total Mensal R$ 646.000,00
Total Global (12 meses) R$ 7.752.000,00
LOTE 06 - POSTO DE VIGILÂNCIA 12X36
Item
Código
Nome Padronizado
Nº de Postos
Preço Mensal do Posto
1
257010.0006-11
VIGILÂNCIA DESARMADA
DIURNO
34
8.900,00
2
257010.0007-01
VIGILÂNCIA DESARMADA
NOTURNO
34
10.100,00
Total Mensal R$ 646.000,00
Total Global (12 meses) R$ 7.752,00
LOTE 07 - POSTO DE VIGILÂNCIA 12X36
Item
Código
Nome Padronizado
Nº de Postos
Preço Mensal do Posto
1
257010.004-50
VIGILÂNCIA ARMADA
DIURNO
32
8.986,00
2
257010.0005-31
VIGILÂNCIA ARMADA
NOTURNO
32
10.318,00
Total Mensal R$ 617.728,00
Total Global (12 meses) R$ 7.412.736,00
LOTE 08 - POSTO DE VIGILÂNCIA 12X36
Item
Código
Nome Padronizado
Nº de Postos
Preço Mensal do Posto
1
2570100004-50
VIGILÂNCIA ARMADA DIURNO
2
8.986,00
2
25701000005-31
VIGILÂNCIA ARMADA NOTURNO
4
10.318,00
3
257010.0006-11
VIGILÂNCIA DESARMADA
DIURNO
29
8.900,00
4
257010.0007-01
VIGILÂNCIA DESARMADA
NOTURNO
24
10.100,00
Total Mensal 559.744,00
Total Global (12 meses) R$ 6.716.928,00
LOTE 09 - POSTO DE VIGILÂNCIA 12X36
Item
Código
Nome Padronizado
Nº de Postos
Preço Mensal do Posto
1
2570100004-50
VIGILÂNCIA ARMADA DIURNO
4
8.986,00
2
25701000005-31
VIGILÂNCIA ARMADA NOTURNO
6
10.318,00
3
257010.0006-11
VIGILÂNCIA DESARMADA
DIURNO
28
8.900,00
4
257010.0007-01
VIGILÂNCIA DESARMADA
NOTURNO
22
10.100,00
Total Mensal 569.252,00
Total Global (12 meses) R$ 6.831.024,00
LOTE 10 - POSTO DE VIGILÂNCIA 12X36
Item
Código
Nome Padronizado
Nº de Postos
Preço Mensal do Posto
1
2570100004-50
VIGILÂNCIA ARMADA DIURNO
6
8.986,00
2
25701000005-31
VIGILÂNCIA ARMADA NOTURNO
6
10.318,00
3
257010.0006-11
VIGILÂNCIA DESARMADA
DIURNO
47
8.900,00
4
257010.0007-01
VIGILÂNCIA DESARMADA
NOTURNO
35
10.100,00
Total Mensal 887.624,00
Total Global (12 meses) R$10.651.488,00

Socorros a vitimas realizados pela Guarda Municipal Rio de Janeiro-GOE, por Marcela Fernandes